destaque_limpeza_condomínios

Dicas Limpeza de Condomínios

Dicas Limpeza Condomínios

 

Como limpar o seu condomínio?

A boa limpeza e conservação do condomínio limpo causa habitualmente um impacto positivo em visitantes e moradores, tal como conforto, saúde e bem-estar dos condóminos. Para isso, é necessário planear a limpeza, levar os produtos e equipamentos adequados para todas as áreas, especialmente áreas comuns (entradas, elevadores e corredores). No entanto, os administradores do condomínio devem estar constantemente atentos e apoiar os moradores, pois a higiene é essencial para todos.

 

dicas limpeza condomínios

 

Cuidados de Limpeza

  • Uso de produtos e equipamento adequados: permite uma limpeza eficaz e evita que eventuais danos no local ocorram. As máquinas de lavagem de alta pressão, para além de economizarem água, são capazes de remover sujidade difícil. Aspiradores potentes devem ser usados para uma boa remoção do pó existente nos tapetes e sofás utilizados pelo público. Produtos de qualidade próprios para enceramentos devem fazer com que o chão tenha brilho e evitar riscos. Para facilitar a deslocação dos produtos, devem ser utilizados carros. Se o condomínio tiver piscina, serão utilizados produtos próprios para o efeito.
  • Uso de equipamento de proteção: proteger a saúde dos funcionários de limpeza (antiderrapantes, botas e luvas de PVC e roupas permeáveis).

 

dicas limpeza condomínios

 

Cuidados de Saúde

Sendo a saúde um fator importante, é preciso ter em conta a limpeza regular de locais que tenham água (chafariz, lago artificial e piscinas), mudando o cloro diariamente e vigiando sempre a quantidade. Assim é possível evitar a proliferação de mosquitos e outros insetos que causam desconforto e problemas de saúde. Colocar areia ou terra nos pratos de plantas também por ser uma boa solução. Com a limpeza regular, existe segurança para todos os moradores.

 

dicas limpeza condomínios

 

Planeamento e Organização da Limpeza

As limpezas devem ser programadas, sobretudo portas, rodapés e janelas e casas de banho comuns, que devem ter uma periodicidade diária. A restante limpeza deve ser semanal, quinzenal ou mensal, dependendo dos recursos disponíveis. Para não interferir com os moradores, é aconselhável que o horário de limpeza seja pós-laboral. O objetivo do planeamento e da organização é analisar as necessidades e as prioridades, de forma a que as limpezas se mantenham eficientes e que os moradores se sintam confortáveis e satisfeitos com o serviço.

Deixe uma resposta